8 de outubro de 2014

[Resenha] - Quem é você, Alasca?

 “— O melhor dia da minha vida ainda não aconteceu.”


Olá #bookmaníacos. Hoje vamos resenhar um pouco sobre o livro “Quem é você, Alasca?

   

   O livro gira em torno da vida de Miles, um menino extremamente anti social. — nesse momento, vai meu desabafo: desculpem os que curtiram o Miles, mas no início, achei ele um chato — Que decide estudar num colégio interno.

   O menino sempre gostou de ler biografias e tem um hobbie, um tanto diferente dos outros — coleciona últimas palavras. Ele adora saber quais foram as últimas palavras das personalidades biografadas antes de morrerem. Algumas são hilárias, outras bem interessantes. Mas para Miles, isso não importa. Ele deseja colecionar todas que puder.

   Uma das biografias que leu faz com que ele queira sair de sua zona de conforto. Desde então, ele está numa vida medíocre e pretende correr atrás do seu “grande talvez”. Talvez o colégio interno seja horrível, mas talvez seja a melhor experiência de sua vida. Ele pôs na cabeça que não conseguiria achar seu “grande talvez” ficando em casa.

   Seu colega de classe que divide o quarto com ele é um baixinho marrento apelidado de Coronel... E é justamente ele que apresenta a pessoa que mudará o ritmo do coração de Miles desde então... Alasca.

   Não é necessário falar que a partir daí nada será igual a antes. Mas se você espera, ao ler esse livro, um romance cheio de paixonites adolescentes, nem o abra! A história é tensa, inebriante e apreensiva... Recheada de momentos cômicos que são necessários para fluir bem a narrativa.

   Eu particularmente adorei a divisão dos capítulos! A divisão é feita através de uma contagem regressiva. E a ansiedade aumenta cada vez mais para sabermos o que acontece quando chega o dia 0. E quando chega... nossa!

   O que eu mais gostei do livro, além da boa narrativa (como sempre), é que John Green sempre deixa uma marca diferente em cada obra. É sempre algo que nos faz pensar, refletir sobre como estamos vivendo. “Quem é você, Alasca?” faz com que você não tenha medo de arriscar. Me fez rever alguns conceitos importantes na vida. Me fez abrir os olhos para ir em busca de “um grande talvez”. Por isso, continuo enfatizando para que leiam os livros do “João Verde”, pois a cada obra ele se supera!



“Mas que diabos significa ‘instantâneo’? Nada é instantâneo. Arroz instantâneo leva cinco minutos, pudim instantâneo uma hora. Duvido que um minuto de dor intensa pareça instantâneo.”

8 comentários:

  1. Amo esse livro, alias amo todos os livros do "João Verde" kkkk
    Parabéns pelo blog, já estou seguindo.
    http://livroecafeina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ahhh , João verde é magnifico *-* Eu, como escritora me baseio nele muitas vezes >< É um exemplo :) Obrigada por seguir! Beijos :*

      Excluir
  2. Oi Thais

    Em cada livro do John Green há algo nos faz refletir. Quando li "Quem é você, Alasca?" tive muitas sensações, positivas e negativas. O livro é encantador e surpreendente.

    Beijos
    Tão doce e tão amarga.



    ResponderExcluir
  3. Sou louca pra ler esse livro mas ainda não tive a oportunidade.
    ♫ Conversas de Alcova ♫

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim que der, leia! É muito bom, vale a pena :)

      Excluir
  4. Muiiiiito bom *----*
    Menos quando chega na parte do "Depois"

    maisumleitor.wordpress.com

    ResponderExcluir

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo